Um dos Pioneiro das Intervenções Urbanas

Tinho

Nas sombras das altas torres e movimentadas avenidas de São Paulo, há uma paleta de cores que se estende pelas paredes, calçadas e postes, criando um universo que é o lar da expressão artística de Tinho. Nascido em São Paulo–SP, em 1973, é um artista relevante no cenário mundial da arte de rua, trazendo consigo técnicas distintas e uma visão que transcende as fronteiras físicas e culturais.
Desde muito cedo, Tinho encontrou na rua um palco para sua expressão. Inspirado pela cultura punk e introduzido ao skate aos 9 anos, ele mergulhou nas paisagens urbanas de sua cidade natal, descobrindo uma forma de arte que ecoaria através dos tempos. Aos 13 anos, fez seu primeiro graffiti, unindo-se a uma turma que moldaria o panorama do graffiti no Brasil, ao lado de nomes como Os Gemeos, Speto, Binho e Vitché.
O que diferencia Tinho é sua capacidade de ver além das paredes, literalmente. Ele foi um dos primeiros no Brasil e no mundo a usar as estruturas urbanas como parte integrante de suas obras, interagindo com elementos arquitetônicos e saindo das superfícies convencionais para invadir calçadas, marquises e postes. Sua técnica aglutina o graffiti e a pixação, formando o "grapixo", influenciando uma geração de artistas na direção do graffiti abstrato.
arte-urbana-artnow-report
arte-urbana-artnow-report
arte-urbana-artnow-report
Mas Tinho não se limita apenas às pinturas. Ele foi pioneiro em usar o graffiti como uma forma de artivismo, destacando questões sociais como o desaparecimento de crianças. Além disso, ele canalizou sua criatividade para o mundo da moda, desenvolvendo estampas de camisetas e colaborando com marcas de skate brasileiras nos anos 90. Sua busca por compreender as conexões culturais o levou ao Japão, onde trabalhou por três anos, mergulhando nas origens e nos fluxos migratórios entre Brasil e Japão. Essa experiência enriqueceu sua compreensão da arte contemporânea e sua relação com a cultura urbana.
Tinho não se restringe apenas às ruas de São Paulo. Sua arte viajou pelo mundo, participando de projetos e residências artísticas em locais tão diversos quanto China e Alemanha. Sua participação em exposições em instituições de renome internacional, como o Palais de Tokyo em Paris e o Schirn Kunsthalle em Frankfurt, solidificou sua posição como um dos principais artistas urbanos contemporâneos.
arte-urbana-artnow-report (4)
arte-urbana-artnow-report
arte-urbana-artnow-report
arte-urbana-artnow-report (4)
Além de sua prática artística, Tinho é um educador e um catalisador da cena artística. Ele ministrou aulas de artes na rede pública estadual por mais de uma década e, desde 2009, abre as portas de seu ateliê para jovens artistas, fomentando o diálogo e o crescimento dentro da comunidade artística. Atualmente, Tinho está imerso em um novo desafio: explorar a interseção entre pintura e moda, refletindo sobre questões identitárias em um mundo cada vez mais globalizado. Sua jornada artística é uma constante evolução, moldando e sendo moldada pelas ruas que ele chama de lar.
Tinho é um artista urbano visionário que captura a essência das ruas e a transforma em uma narrativa visual que ressoa em todo o mundo. Sua arte é uma celebração da diversidade, uma manifestação de liberdade e uma lembrança de que, mesmo nas sombras das cidades, a criatividade pode florescer.

WhatsApp: 55 11 99647 3661

arte-urbana-artnow-report