A arte e o poder da mente

Reflexão e Desconexão

Recentes estudos realizados pela Mental Health Foundation no Reino Unido revelam uma conexão profunda entre a arte e a ampliação da visão de vida. Galerias e museus, como espaços de contemplação e introspecção, oferecem um ambiente propício para a reflexão, afirma a pesquisa. Essa imersão nos permite desconectar dos desafios do dia a dia, estimulando uma conexão mais profunda com nossos próprios sentimentos. Além disso, a arte nos expõe a diferentes perspectivas do mundo, expandindo nossas mentes e horizontes.
Embora muitas vezes a arte seja considerada um luxo, estudos comprovam que o cérebro a percebe como uma ferramenta valiosa para a meditação, essencial para o bem-estar. Estimulando a autoconfiança e a resiliência, a arte oferece uma série de benefícios, conforme aponta a fundação inglesa. Não apenas isso, mas também foi descoberto que a arte tem o poder de aliviar o estresse, a tensão e a depressão. Em 2019, antes mesmo da pandemia, a Organização Mundial da Saúde (OMS) reconheceu a exposição à arte como um fator chave na redução de doenças mentais, solidão e no processo de envelhecimento.
Segundo Susan Magsamen, coautora de “Your Brain on Art: How the Arts Transform Us”, ainda não publicado no Brasil e na lista de livros bestsellers de 2023 do jornal The New York Times: "Enquanto muito se fala sobre os benefícios da meditação, poucos reconhecem o potencial transformador da arte na mente. Nosso cérebro, composto por cerca de cem bilhões de neurônios, está pronto para ser conectado, e a imersão na arte fortalece essas conexões sinápticas com os órgãos sensoriais. Muitas dessas conexões se desenvolvem na infância, trazendo benefícios ao longo da vida. No entanto, nunca é tarde para desfrutar de experiências estéticas, que não apenas promovem um cérebro mais resiliente, mas também nos ajudam a compreender melhor a complexidade das emoções humanas".
Neste contexto, a arte se revela como uma ferramenta poderosa não apenas para a expressão criativa, mas também para promover a saúde mental e o bem-estar geral. Ao reconhecer e valorizar o impacto positivo da arte em nossas vidas, abrimos portas para uma nova compreensão de seu papel fundamental na sociedade contemporânea.